quinta-feira, julho 18, 2024
spot_img
More

    últimos posts

    Humorista Carlinhos Mendigo é Preso Após Fugir da Polícia em SP

    Ele deve R$ 246,9 mil de pensão alimentícia ao filho e foi detido na Av. Nove de Julho

    O humorista Carlos Alberto da Silva, conhecido como Carlinhos Mendigo, foi preso nesta terça-feira (18) em São Paulo por dever R$ 246,9 mil de pensão alimentícia ao filho Arthur. Para despistar a polícia, Carlinhos se revezava entre quatro apartamentos na cidade.

    Investigadores da 2ª Delegacia da Divisão de Capturas do Departamento de Operações Policiais Estratégicas (DOPE) informaram que Carlinhos Mendigo estava foragido desde 13 de novembro de 2023, quando um novo mandado de prisão civil foi expedido contra ele.

    Confira: Maisa Silva Estreia Na Globo Como Vilã Em “Garota Do Momento”

    No final do mês passado, denúncias anônimas sobre seu paradeiro iniciaram a investigação.

    De acordo com os investigadores, Carlinhos Mendigo costumava sair à noite e mudava de endereço frequentemente para evitar ser capturado. “Nenhum dos apartamentos era dele; todos eram emprestados por amigos. Ele nunca ficava muito tempo em um lugar, estava sempre mudando”, explicou um dos policiais.

    Nesta terça-feira, a polícia montou uma operação na Avenida Nove de Julho, nos Jardins, área nobre da capital, onde Carlinhos Mendigo costumava transitar. Por volta das 12h30, ele foi visto dirigindo um carro preto e foi abordado pelos agentes.

    Após mais de 20 dias de busca, ele foi finalmente preso e levado para a Divisão de Capturas, no Palácio da Polícia Civil, no centro de São Paulo.

    Durante a tarde, Carlinhos Mendigo foi submetido a um exame de corpo de delito no Instituto Médico Legal (IML) e, em seguida, encaminhado à carceragem do 18° Distrito Policial (DP) do Alto da Mooca. Ele deverá comparecer a uma audiência de custódia nesta quarta-feira (19). Caso não pague a dívida de pensão, permanecerá preso por 30 dias.

    A Polícia Civil esclareceu que este é o terceiro mandado de prisão por pensão alimentícia contra Carlinhos Mendigo. Em 2022, ele foi detido por uma dívida de R$ 90 mil, mas conseguiu um habeas corpus após entrar em acordo.

    Quem é Carlinhos Mendigo?

    Carlinhos Mendigo ganhou fama na televisão e no rádio a partir de 2003, quando integrou o elenco do programa “Pânico”. Ele começou como office-boy na Jovem Pan e, ao assistir às gravações do programa, conseguiu uma oportunidade para entrar no time. Carlinhos Mendigo permaneceu no “Pânico” até 2007 e retornou anos depois.

    Entre seus personagens mais famosos estão “Vô, Num vô”, em parceria com Mano Quietinho (Vinícius Vieira), além de Silvio Santos Reptiliano, Sérgio Mallandro, Merchan Neves e Presidente Molusco. Carlinhos Mendigo também participou de programas com Tom Cavalcanti e da primeira temporada do reality show “A Fazenda”.

    Ele tem um filho com a ex-bailarina e empresária Aline Hauck. A reportagem tentou contato com a defesa do humorista, mas não obteve resposta até o momento.

    A História do Pânico na TV: Revolução e Polêmicas na Televisão Brasileira

    Carlinhos MendigoC

    “Pânico na TV” é um dos programas mais icônicos e controversos da televisão brasileira, tendo deixado uma marca indelével na cultura pop do país. Sua história é marcada por momentos de humor irreverente, inovação na comédia televisiva e uma série de polêmicas que o tornaram um fenômeno midiático.

    O programa teve suas origens no rádio, com o “Pânico” estreando na Rádio Jovem Pan em 1993. Criado por Emilio Surita, o programa rapidamente se destacou por seu humor ácido e irreverente, ganhando uma legião de fãs. O sucesso no rádio foi o trampolim que levou a equipe do Pânico a migrar para a televisão.

    Em 2003, “Pânico na TV” estreou na RedeTV!, trazendo consigo um estilo de humor que até então não havia sido explorado na televisão brasileira. O programa era uma mistura de esquetes humorísticos, pegadinhas, entrevistas inusitadas e sátiras de personalidades e eventos.

    Seu formato inovador e a disposição de ultrapassar os limites do politicamente correto garantiram uma audiência cativa e crescente.

    Uma das marcas registradas do “Pânico na TV” foi a criação de personagens icônicos e quadros memoráveis. Entre os personagens mais famosos estão Carlinhos Mendigo (interpretado por Carlinhos Silva), Ceará (Wellington Muniz) e Vesgo (Rodrigo Scarpa).

    Quadros como “Sandálias da Humildade”, “Pânico Delivery” e “Xurupita’s Farm” tornaram-se hits instantâneos, frequentemente repercutidos na mídia e entre os telespectadores.

    O programa também foi pioneiro no uso de celebridades como alvo de suas brincadeiras. Muitos famosos passaram por situações embaraçosas e hilárias, o que gerava uma mistura de reações – desde a indignação até a adesão ao espírito brincalhão do programa.

    Esta abordagem, embora polêmica, trouxe uma nova dinâmica ao entretenimento televisivo, atraindo tanto críticos quanto defensores fervorosos.

    Em 2012, o “Pânico na TV” mudou de casa, passando a ser exibido pela Band, onde passou a se chamar “Pânico na Band”. A mudança de emissora trouxe novos desafios e a necessidade de adaptação a um novo público e formato.

    Apesar das mudanças, o programa manteve sua essência irreverente e continuou a ser um sucesso de audiência.

    No entanto, nem tudo foi humor e sucesso na trajetória do “Pânico”. O programa enfrentou várias críticas e processos legais ao longo dos anos. Muitas vezes acusado de ultrapassar os limites do bom gosto e do respeito, o “Pânico na TV” teve que lidar com a indignação de diversas figuras públicas e setores da sociedade.

    Quadros considerados ofensivos, piadas de mau gosto e situações de assédio tornaram-se temas recorrentes de debate e controvérsia.

    Descubra a Mais Recente Casa de Apostas no Brasil: Bora Jogar

    A popularidade do programa também começou a declinar com o passar dos anos. A saturação do formato, a saída de membros importantes do elenco e as mudanças no gosto do público contribuíram para uma diminuição na audiência.

    Em 2017, após 14 anos no ar, “Pânico na Band” foi oficialmente cancelado, marcando o fim de uma era na televisão brasileira.

    Apesar do fim do programa, o legado do “Pânico na TV” permanece. Ele não apenas redefiniu o humor televisivo no Brasil, mas também influenciou uma geração de comediantes e programas de entretenimento.

    Seu impacto cultural é inegável, com muitas das suas piadas, bordões e personagens ainda sendo lembrados e referenciados até hoje.

    spot_img
    spot_img

    últimos posts

    spot_imgspot_img

    Veja mais