sexta-feira, julho 19, 2024
spot_img
More

    últimos posts

    Davi e Isabelle se envolveram em uma discussão acalorada no dia anterior à final do BBB 24

    Mesmo com todos felizes com a final do BBB 24, Davi e Isabelle brigaram antes. Eles não discutiram apenas uma vez, mas duas vezes

    A discordância inicial surgiu da crítica de Davi ao desempenho de Isabelle no jogo Manauara, onde ele sentia que ela não estava jogando em equipe devido à sua percepção de que ela poderia se alinhar com os “Gnomos” em algum momento.

    Durante a discussão, Davi expressou sua frustração, argumentando: “Se você está defendendo um amigo, precisa jogar como parte do time. Se agir de forma unilateral, seu voto está isolado.” Matteus interveio, destacando que a situação permanecia inalterada apesar das observações de Davi.

    Confira: Alane Sai Do ‘BBB 24’ Com 51,11% Dos Votos. Quem Na Final?

    “Hoje, vou te explicar. Eu jogo sozinha. Por exemplo, hoje, meu voto é para o Matteus, independentemente de a maioria da casa hoje ser a favor da Fernanda. Mesmo que o Marcus seja meu amigo, meu voto hoje é para o Matteus. Minha estratégia é unilateral”, esclareceu o baiano.

    “Você jogou unilateralmente em alguns momentos. Mas também houve momentos no jogo em que, para apoiar um amigo, você votou contra pessoas que não eram seu alvo. Então você jogou coletivamente, se alinhando com o grupo, porque a Fernanda recebeu 10 votos”, apontou o motorista de aplicativo sucintamente.

    “Você não foi totalmente unilateral. Em certos pontos do jogo, você também se alinhou com nosso grupo, comigo, Matteus, Alane e Bia”, concluiu Davi, finalmente. “Mas eu sempre disse isso”, respondeu Isabelle. “Não foi sempre articulado assim…” Davi tentou explicar, mas Isabelle interrompeu, afirmando: “Não foi consistente.”

    “Estou apenas tentando explicar, não é que ‘meu jogo foi sempre unilateral’. Inicialmente, sim, minha estratégia tendia para esse lado, mas conforme o jogo avançava, eu tinha que me adaptar e às vezes votar coletivamente, fazendo a transição para uma abordagem coletiva”, Davi esclareceu.

    “Na minha perspectiva, porque temos pontos de vista diferentes, na verdade, discordo da sua interpretação de jogar coletivamente. A estratégia coletiva foi quando o Marcus pediu às meninas para votarem na Fernanda em seu nome”, respondeu Isabelle.

    “Mas você votou para salvar seu amigo”, retrucou o motorista de aplicativo. “Dois amigos, Davi. Eu queria terminar de falar para explicar”, ela solicitou. “Não, Isabelle, escute, você pode falar, não estou te desrespeitando. Estou apenas tentando explicar que, se você vota coletivamente, se você vota para salvar um amigo…” ele continuou.

    “Mas não foi algo combinado, Davi. Quero esclarecer isso para você”, assegurou Isabelle. “Eu sei que não foi combinado”, disse Davi. Isabelle mencionou que os outros colegas de casa não esperavam seu voto para Fernanda. “Eu sei, mas você votou”, ele reconheceu.

    “Havia a possibilidade de que Ráculo fosse para o Paredão, pois acreditávamos que o Marcus [Vinicius] poderia fazer acontecer se tivesse apoio. Na verdade, mais tarde ele esclareceu que não puxaria ela, puxaria o Bin”, Isabelle explicou. Davi a interrompeu, mas depois a encorajou a continuar falando.

    “Você se afastou de jogar exclusivamente unilateralmente”, Davi reiterou. “E você votou em duas pessoas de alianças diferentes”, Isabelle apontou. “Huh, de uma aliança? Mas você não mencionou que joga de forma independente?” ele questionou.

    “Deixe-me terminar de explicar, e ficará mais claro para você. Marcus pertencia à aliança das fadas, que apoiava Fernanda, enquanto Ráculo já estava alinhado com a aliança dos Gnomos, que apoiava Marcus. Ninguém pediu minha opinião”, ela elaborou. “Mesmo que ninguém tenha solicitado sua opinião, é exatamente isso; você agiu como parte de um time”, concluiu o baiano.

    Davi e Isabelle se encontraram em outro confronto mais tarde, dentro do Quarto das Fadas, dessa vez provocado por um comentário sobre abraços. Isabelle, de Manaus, expressou o desejo de abraçar Davi após abraçar Matteus, mas ele recusou, citando um estômago cheio e a falta de vontade de abraços naquele momento.

    “Mare! Toda vez que eu abraço o Matteus e depois tento abraçar Davi, ele me rejeita”, reclamou Isabelle. “Não é sobre isso”, respondeu Davi. “Acontece toda vez”, ela reiterou.

    “Por que você está dizendo isso? Por que trazer esse tópico à tona? Eu não entendo”, questionou Davi. “Porque quero te abraçar, e você não quer”, declarou Isabelle. “Você mencionou antes: ‘Toda vez que eu abraço Matteus, Davi me rejeita'”, apontou Davi.

    “Isso porque, naquele dia, eu te provoquei assim. Quero te abraçar depois”, explicou Isabelle. “Não tem relação com isso. Estou cheio”, afirmou Davi.

    “Ok, desculpe! Te abraçarei mais tarde”, assegurou Isabelle. “Exatamente. Você precisa retirar o que disse”, insistiu Davi. “Tudo bem. Não quis te ofender. Desculpe!” concluiu Isabelle.

    spot_img
    spot_img

    últimos posts

    spot_imgspot_img

    Veja mais