sexta-feira, julho 19, 2024
spot_img
More

    últimos posts

    Desvendando o caso PC Siqueira: Polícia esclarece depoimento da ex-namorada

    Maria Watanabe revela detalhes sobre a trágica morte do Youtuber

    O youtuber PC Siqueira, de 37 anos, foi tragicamente encontrado morto em seu apartamento na zona sul de São Paulo na tarde desta quarta-feira. A ex-namorada do apresentador, Maria Watanabe, que estava presente no momento da morte, prestou depoimento à polícia, esclarecendo os eventos. A informação foi inicialmente divulgada pelo portal Metrópoles e posteriormente confirmada pelo GLOBO. O caso está sendo investigado pelo 11º Distrito Policial (Santo Amaro).

    Maria, testemunha da ocorrência e ex-namorada de PC Siqueira por aproximadamente um ano, relatou detalhes da tarde ao lado do youtuber, que, infelizmente, tirou a própria vida. Na noite seguinte, ela retornou ao apartamento acompanhada pela polícia, enquanto familiares do apresentador e um amigo estavam presentes. Sem dar declarações à imprensa, Maria deixou o local por volta das 23h30, carregando algumas caixas com pertences.

    Confira: Por que Bolsonaro se tornou inelegível? Entenda o caso

    Uma semana antes do trágico evento, PC Siqueira havia anunciado o fim do relacionamento em um vídeo no YouTube, revelando sua luta contínua contra a depressão. Na véspera da ocorrência, Maria teria ido ao apartamento para uma conversa. De acordo com os familiares, o casal teria consumido drogas.

    A tia do youtuber, identificada como tia Lau, informou ao Metrópoles que PC estava em tratamento para a depressão. “Ele era maravilhoso, tranquilo, carinhoso, mas com esse quadro depressivo, tinha até saído um pouco sobre isso na mídia. Isso estava deixando ele triste”, afirmou. No depoimento à polícia, a ex-namorada revelou que PC Siqueira morreu enquanto estavam juntos no apartamento, e ao perceber a situação, ela procurou ajuda de uma vizinha que chamou a polícia.

    O youtuber PC Siqueira, de 37 anos, foi encontrado sem vida em seu apartamento na zona sul de São Paulo na tarde desta quarta-feira. Em março deste ano, ele já havia sido socorrido por bombeiros após uma tentativa de suicídio, expressando sua gratidão aos fãs pelo apoio.

    Paulo Cezar Siqueira, paulistano de Guarulhos, foi um dos pioneiros no videoblogue brasileiro, criando o canal “maspoxavida” no YouTube em 2010. Com um estilo irônico e ácido, especializou-se em provocar religiosos, fãs de astros pop e amantes de filmes conhecidos. Reconhecido, PC foi indicado ao Video Music Brasil da MTV em 2010, premiado nas categorias “Geek do Ano” e “WebCeleb” do prêmio Os Melhores da Websfera.

    Além da carreira na internet, PC Siqueira teve experiências na TV, destacando-se com o programa “PC na TV” na MTV Brasil e participações em outros programas. Em 2019, integrou o reality show “O Aprendiz”.

    Publicamente, PC não escondia suas batalhas contra a depressão, ansiedade e síndrome do pânico. Em 2016, lançou o livro “PC Siqueira está morto”, explorando fragmentos de sua vida digital, oscilando entre ficção e realidade.

    Em 2020, enfrentou acusações de pedofilia, negando inicialmente as alegações. Em 2021, a Superintendência da Polícia Técnico-Científica de São Paulo não encontrou evidências para incriminá-lo. O caso ainda está sob investigação.

    Em março deste ano, PC Siqueira novamente enfrentou um episódio preocupante de mania, resultando em exposição pessoal e uma nova tentativa de suicídio, sendo resgatado pelos bombeiros.

    A Secretaria de Segurança de São Paulo afirmou que o caso segue sendo investigado pela 4ª Delegacia de Repressão à Pedofilia do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa. Até o momento, não houve indiciamento, e detalhes adicionais são preservados devido ao sigilo judicial.

    spot_img
    spot_img

    últimos posts

    spot_imgspot_img

    Veja mais