terça-feira, julho 23, 2024
spot_img
More

    últimos posts

    Robert Pattinson se derrete pela filha em evento da Dior em Paris

    Robert Pattions fala com carinho sobre a filha recém-nascida em entrevista no desfile da Dio

    Na sexta-feira (21), Robert Pattinson compareceu ao desfile Dior Homme Menswear Primavera/Verão 2025 em Paris, França. Recentemente, o ator deu as boas-vindas à sua primeira filha com a atriz e cantora Suki Waterhouse, e estava ansioso para voltar para casa.

    A ex-estrela de “Crepúsculo” foi perguntada sobre a bebê e não escondeu a felicidade ao falar sobre ela pela primeira vez: “[Ter um filho] faz você se sentir muito velho e muito jovem”, brincou Robert Pattinson com um repórter, comentando que estava em Paris por apenas um dia porque precisava voltar para ver sua filha.

    Confira: Ralf Pressente Morte Do Irmão Chrystian Antes Do Falecimento

    “Ela é tão fofa”, continuou. “Estou surpreso com a rapidez com que a personalidade deles surge. Então, mesmo com 3 meses, eu fico tipo, ‘Oh… já posso ver quem ela é'”, contou.

    Até agora, o casal, que namora desde 2018, não revelou muitos detalhes sobre o nascimento da bebê.

    Robert Pattinson é um Pai Incrível

    Kellan Lutz, colega de Robert Pattinson em “Crepúsculo”, ficou emocionado ao saber que o amigo seria pai. Na época, ele compartilhou sua opinião sobre o tipo de pai que o ator seria e disse que não poderia estar mais feliz por ele e Suki.

    “Ele é um cara tão engraçado. Eu sei que ele será incrível nisso. É uma coisa linda. Algo simplesmente muda para homens e mulheres quando você atinge isso, e você tem esses instintos que surgem. Então, estou animado por ele e Suki”, observou Lutz.

    A estrela de 38 anos sugeriu que o casal deveria seguir seu exemplo e ter dois filhos, acreditando que eles formariam uma família “muito legal”.

    Robert Pattinson: De Ídolo Adolescente a Ator Versátil e Aclamado

    robert pattinson

    Robert Pattinson é um ator britânico cujo percurso no mundo do cinema é uma das mais intrigantes histórias de transformação e reinvenção de Hollywood. Nascido em Londres, em 13 de maio de 1986, Robert Pattinson começou sua carreira como modelo aos 12 anos, antes de se aventurar no mundo da atuação.

    Sua primeira grande oportunidade veio em 2005, quando foi escalado para o papel de Cedric Diggory em “Harry Potter e o Cálice de Fogo”. Embora sua participação no filme fosse relativamente pequena, sua performance foi suficientemente marcante para chamar a atenção de produtores e diretores em Hollywood.

    Este papel serviu como um trampolim para Robert Pattinson, levando-o a sua próxima e mais icônica personagem.

    Em 2008, Pattinson se tornou uma sensação mundial ao interpretar Edward Cullen na série de filmes “Crepúsculo”, baseada nos romances de Stephenie Meyer. A saga, composta por cinco filmes lançados entre 2008 e 2012, foi um fenômeno cultural e comercial, arrecadando bilhões de dólares em bilheteria.

    A interpretação de Robert Pattinson como o vampiro romântico e enigmático fez dele um ídolo adolescente e uma figura central da cultura pop da época. No entanto, a intensa atenção da mídia e a fanfarra associada ao papel trouxeram desafios pessoais e profissionais para o jovem ator.

    Determinado a evitar ser estereotipado, Pattinson fez uma série de escolhas de carreira que mostraram sua capacidade de atuar em uma ampla variedade de papéis. Após o fim da série “Crepúsculo”, ele começou a trabalhar com diretores independentes e a explorar projetos mais arriscados e artísticos.

    Explore a Novidade em Apostas no Brasil: Bora Jogar

    Em 2012, Pattinson estrelou “Cosmopolis”, dirigido por David Cronenberg, um filme que mergulha na mente de um jovem bilionário em um dia tumultuado em Manhattan. A performance complexa e perturbadora de Robert Pattinson foi bem recebida pela crítica, solidificando seu status como um ator sério e talentoso.

    Nos anos seguintes, Pattinson continuou a desafiar as expectativas, trabalhando em filmes como “The Rover” (2014), “Maps to the Stars” (2014) e “Queen of the Desert” (2015). Em 2017, ele recebeu aclamação universal por sua atuação em “Good Time”, dirigido pelos irmãos Safdie.

    No filme, Pattinson interpreta um ladrão desesperado para salvar seu irmão, oferecendo uma performance intensa e multifacetada que foi considerada por muitos como a melhor de sua carreira até então.

    Outro marco importante na carreira de Pattinson foi sua participação no filme “The Lighthouse” (2019), dirigido por Robert Eggers. Ao lado de Willem Dafoe, Pattinson entregou uma atuação poderosa em um filme que mistura horror psicológico e drama.

    O desempenho foi mais uma prova de sua versatilidade e habilidade de mergulhar profundamente em personagens complexos.

    Mais recentemente, Pattinson assumiu um dos papéis mais cobiçados e desafiadores de sua carreira: Bruce Wayne/Batman no filme “The Batman” (2022), dirigido por Matt Reeves.

    A escolha de Pattinson para o papel foi inicialmente recebida com ceticismo por alguns fãs, mas sua interpretação sombria e introspectiva do Cavaleiro das Trevas foi amplamente elogiada, reafirmando sua posição como um dos atores mais talentosos e adaptáveis de sua geração.

    spot_img
    spot_img

    últimos posts

    spot_imgspot_img

    Veja mais