quinta-feira, julho 18, 2024
spot_img
More

    últimos posts

    LeBron James apela por controle de armas após tiroteio em Universidade

    O astro da NBA, consternado com o massacre na Universidade de Nevada, nos Estados Unidos, expressa sua indignação e pede medidas concretas para controlar o acesso às armas

    LeBron James se manifestou nesta quinta-feira sobre o terrível incidente na Universidade de Nevada, nos Estados Unidos, onde ocorreu um massacre na última quarta-feira próximo a um prédio do campus. Três pessoas perderam a vida, e outra vítima encontra-se em estado crítico. O astro do Los Angeles Lakers, que também está em Las Vegas, aproveitou para pedir uma revisão no acesso às armas nos Estados Unidos.

    LeBron James expressou suas condolências às famílias afetadas e destacou a necessidade urgente de reavaliar as políticas de controle de armas no país. Ele compartilhou a preocupação recebida de seu irmão sobre a segurança na área afetada pela tragédia e criticou a persistência da mesma conversa sobre controle de armas após cada incidente desse tipo.

    Confira: Palmeiras realiza arrancada heróica e conquista o 12º Título do Brasileirão

    “Recebi uma mensagem de meu irmão pedindo para eu ficar seguro aqui, pois ele soube do tiroteio na UNLV. Primeiramente, minhas condolências às famílias que perderam entes queridos, amigos e parentes. Isso remete ao que eu já disse sobre armas na América. É uma conversa mais longa, mas continuamos presos na mesma história, na mesma conversa, sempre que algo assim ocorre, e isso persiste. Ter acesso a uma arma, a capacidade de realizar tais atos repetidamente, sem nenhuma mudança, é literalmente ridículo”, afirmou LeBron.

    O jogador também destacou as diferentes leis estaduais sobre armas nos Estados Unidos, mencionando as restrições impostas por alguns estados e jurisdições locais. Nevada, onde ocorreu o incidente, é conhecido por ter leis mais liberais em relação ao porte de armas.

    A NBA também expressou suas condolências às famílias das vítimas, e em homenagem a elas, um minuto de silêncio será observado antes do confronto entre Lakers e Pelicans, marcado para esta quinta-feira às 23h (Horário de Brasília).

    spot_img
    spot_img

    últimos posts

    spot_imgspot_img

    Veja mais