sábado, julho 20, 2024
spot_img
More

    últimos posts

    Pedro Lourenço assume o comando do Cruzeiro SAF, marcando uma nova era para o clube mineiro

    Empresário adquire 90% das ações da Sociedade Anônima do Futebol, com planos de transformação e renovação

    Em um momento histórico para o Cruzeiro, o empresário Pedro Lourenço, aos 68 anos, anunciou oficialmente nesta segunda-feira (29), em uma entrevista exclusiva à rádio Itatiaia, a aquisição de 90% das ações da Sociedade Anônima do Futebol do clube, anteriormente geridas por Ronaldo Nazário desde janeiro de 2022.

    Durante a entrevista, Lourenço expressou sua visão para o clube: “O dono do Cruzeiro é o nosso torcedor. Vamos mudar essa perspectiva. Os donos são os nossos torcedores. Vamos ouvi-los. Abriremos as portas para a imprensa. Quero deixar claro o carinho que tenho pela torcida e o amor ao Cruzeiro. Eu sou Cruzeiro. Não estou adquirindo apenas um negócio, mas uma paixão. Vamos abordar isso com paixão e razão, sempre priorizando o lado da torcida. É hora de revitalizar o Cruzeiro, que tanto precisa.”

    Confira: Fã Leva MC Daniel À Justiça Por Não Receber R$ 200 Mil Do Sorteio

    Além disso, Pedro confirmou a nomeação de Alexandre Mattos como novo responsável pelo futebol do Cruzeiro. Mattos, que estava no América desde 15 de abril, assume o cargo com entusiasmo. “Alexandre Mattos é nosso homem do futebol. Ele tem seu próprio estilo. Está motivado. Meu filho, Pedro Júnior, será assistente dele. Eu estarei mais nos bastidores, lidando com questões mais amplas. Eles estarão mais envolvidos no dia a dia”, acrescentou.

    A cerimônia oficial de assinatura está marcada para as 16h, na Toca da Raposa II, com a presença de toda a equipe da gestão anterior e os novos dirigentes.

    Conhecido como Pedrinho, o empresário, proprietário da rede varejista Supermercados BH, adquiriu 90% das ações da Cruzeiro SAF por R$ 600 milhões. Em 2023, Lourenço já havia investido R$ 100 milhões na SAF, correspondendo a 20% das ações nessa operação.

    Este ano, Lourenço concordou em pagar a Ronaldo mais R$ 150 milhões. Os R$ 350 milhões restantes serão quitados ao longo de uma década.

    Os 10% restantes da SAF permanecem sob o controle do Cruzeiro (associação), representando uma continuidade do legado do clube.

    O Legado de Ronaldo: Desafios e Conquistas na Gestão do Cruzeiro SAF

    Desde que anunciou a compra da Sociedade Anônima do Futebol do Cruzeiro em dezembro de 2021, Ronaldo assumiu uma série de desafios e metas ambiciosas para o clube. Embora tenha iniciado sua gestão em janeiro de 2022, a oficialização da compra só ocorreu em março daquele ano, após ajustes contratuais aprovados pelo Conselho Deliberativo. Um dos primeiros passos de Ronaldo foi assumir uma dívida tributária considerável, no valor de R$ 180 milhões, em troca das Tocas da Raposa I e II.

    Além de lidar com as obrigações financeiras da associação civil no âmbito esportivo, como FIFA e CNRD, Ronaldo também enfrentou o desafio de administrar a recuperação judicial do clube, envolvendo dívidas trabalhistas e cíveis. Seu objetivo principal era reduzir a dívida global do Cruzeiro, estimada em R$ 1,05 bilhão, enquanto buscava recolocar o clube na Série A do Campeonato Brasileiro, após o rebaixamento em 2019.

    E foi exatamente isso que aconteceu: logo no primeiro ano de gestão, o Cruzeiro conquistou o título da Série B, garantindo seu retorno à elite do futebol nacional. Em 2023, na volta à Série A, o clube enfrentou uma luta árdua contra o rebaixamento, mas conseguiu encerrar a temporada em 14º lugar, assegurando uma vaga na Copa Sul-Americana.

    Descubra a Mais Recente Casa de Apostas no Brasil: Bora Jogar

    Apesar dessas conquistas, a gestão de Ronaldo também enfrentou críticas e desafios. A eliminação precoce na Copa do Brasil para o Sousa-PB e a perda do Campeonato Mineiro para o rival Atlético geraram pressão da torcida. A falta de investimentos para fortalecer o time na Sul-Americana e no Brasileirão foi duramente criticada, assim como a falta de transparência, comunicação deficiente com os torcedores e a imprensa, e as frequentes mudanças de treinadores, que remetiam ao estilo da gestão anterior.

    Apesar dos altos e baixos, a era de Ronaldo no comando do Cruzeiro será lembrada por seus esforços para reerguer o clube e seu compromisso em buscar um futuro mais próspero para a Raposa.

    spot_img
    spot_img

    últimos posts

    spot_imgspot_img

    Veja mais