quinta-feira, julho 18, 2024
spot_img
More

    últimos posts

    Brasil aumenta importação de arroz após alta de 20% no preço

    Enchentes no RS e produção insuficiente impulsionam decisão governamental

    Nas últimas semanas, o Brasil tem enfrentado um desafio significativo com a necessidade de importar arroz para atender à demanda interna.

    O aumento de mais de 20% no preço do grão em um ano acendeu o alerta para o governo federal, que optou por incrementar a compra de arroz estrangeiro, especialmente após as enchentes que devastaram o Rio Grande do Sul.

    Confira: Influenciador Danielzinho Grau Compra A Primeira Tesla Cybertruck Do Brasil

    Este estado é responsável por 70% da produção nacional e sofreu grandes perdas devido aos desastres naturais.

    O Brasil produz menos arroz do que consome. Em 2023, a produção nacional foi de 10,3 milhões de toneladas, enquanto o consumo estimado é de 11 milhões de toneladas, de acordo com dados da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab).

    Para compensar essa diferença, o país depende de importações e dos estoques de colheitas anteriores.

    Inicialmente, o governo previu a importação de 1,4 milhão de toneladas de arroz para garantir o abastecimento interno.

    No entanto, com os efeitos das enchentes no Rio Grande do Sul, a projeção foi revisada para 2,2 milhões de toneladas, considerando aquisições por meio de leilões públicos.

    Esta medida visa evitar um aumento excessivo dos preços devido a possíveis problemas na oferta e distribuição do produto.

    Impacto das Enchentes no Rio Grande do Sul

    As enchentes causaram preocupações significativas sobre a capacidade do Rio Grande do Sul de distribuir o arroz colhido para outras regiões do Brasil.

    Apesar de a principal rodovia de escoamento, a BR-101, já estar normalizada, as perdas foram consideráveis. Segundo um relatório da Conab, as enchentes resultaram na perda de 100 mil toneladas de arroz na colheita, além de 24 mil toneladas armazenadas.

    Diversos fatores contribuíram para a elevação dos preços do arroz no Brasil. O clima adverso, com três anos consecutivos de La Niña seguido pelo El Niño, prejudicou severamente a produção.

    Além disso, muitos produtores migraram para culturas mais rentáveis, como soja e milho, devido aos altos custos de produção do arroz.

    No mercado internacional, a suspensão das exportações de arroz pela Índia, que representa 35% do comércio global, também influenciou os preços.

    Desde que a Índia parou de exportar em julho do ano passado, o preço do arroz asiático subiu 46,5%, impactando diretamente os preços no Mercosul e, consequentemente, no Brasil.

    Para mitigar os efeitos da alta de preços e garantir o abastecimento, o governo brasileiro está adotando medidas para incentivar o plantio de arroz e outros produtos básicos no próximo Plano Safra.

    Confira a Nova Casa de Apostas do Brasil: Bora Jogar

    A expectativa é que, com essas ações, seja possível estabilizar os preços e garantir a segurança alimentar no país.

    Dessa forma, a importação de arroz torna-se uma estratégia crucial para atender à demanda interna e evitar aumentos expressivos nos preços, garantindo que o produto continue acessível para a população brasileira.

    A História do Arroz: Um Grão Essencial na Dieta Humana

    O arroz é um dos alimentos mais antigos e fundamentais na história da humanidade. Originário das regiões tropicais e subtropicais da Ásia, esse grão tem desempenhado um papel crucial na alimentação de bilhões de pessoas ao longo dos séculos.

    Origens na Ásia

    A domesticação do arroz começou há cerca de 9.000 anos nas áreas alagadas do sul da China, particularmente nas bacias dos rios Yangtzé e Mekong.

    A partir dessas regiões, a prática de cultivar arroz se espalhou para a Índia e outras partes do sudeste asiático, formando a base da agricultura e da dieta dessas civilizações.

    Expansão pelo Mundo

    Através das rotas comerciais e das migrações, o cultivo de arroz se expandiu para a África e a Europa por volta do século VIII, chegando ao Oriente Médio e ao norte da África através das conquistas árabes.

    Durante a Era das Grandes Navegações, o arroz foi levado para as Américas por exploradores europeus, onde encontrou ambientes favoráveis para o seu cultivo, especialmente nas regiões quentes e úmidas.

     

    spot_img
    spot_img

    últimos posts

    spot_imgspot_img

    Veja mais